Bela Adormecida

terça-feira, abril 23, 2013

Com certeza você conhece esse conto. Já leu ou assistiu o desenho, em que a bela princesa Aurora entrou em um sono profundo do qual só despertaria com o beijo do amor sincero.

E já há algum tempo, Deus me mostrou a preciosidade que muitos contos nos trazem, e como podemos estabelecer paralelos com ensinamentos bíblicos.

Aurora adormeceu, esperando que um príncipe a acordasse com um beijo.

 “… não acordeis, nem desperteis o amor, até que ele o queira.” Cânticos 3:5

 Nós  não devemos ser assim, como Aurora?

 O amor precisa ficar adormecido até que Deus diga que chegou a hora. Pois há tempo para todo o propósito debaixo do Céu, e também há tempo de amar, como nos mostra Eclesiastes 3.

E a esse amor, estou me referindo sim, ao amor entre homem e mulher. A paixão pode ser despertada a qualquer momento, mas a coisa certa na hora errada é a coisa errada, como Joshua Harris fala em seu livro ‘Eu disse adeus ao namoro’.

Já o amor, tem um tempo certo para ser despertado; este não pode ser despertado antes do tempo. Só será despertado no tempo certo, com a pessoa certa.




Porém a nossa tendência é ir contra tudo isso. Queremos o amor e o queremos agora. Cansamos de esperar, cansamos de estar solteiros, cansamos de estar sozinhos. E então, em um total desespero, começamos a despertar o amor, cedo demais, errado demais.

E sem saber esperar o momento certo, o tempo certo, nos machucamos.

Devemos tirar uma lição do conto de “A bela adormecida”. Que devemos ficar adormecidos para o amor. E somente para isso. Mas temos que acordar para a obra; não podemos dormir para a vontade de Deus, não podemos fingir que estamos dormindo quando ouvimos a Sua voz; para isso, temos que estar bem acordados. E para o amor ao próximo também. Não preciso adormecer e esperar para demonstrar amor ao próximo, não é desse amor que estou falando.

Assim como a princesa repousou em um torre, nós devemos repousar no amor do Pai. Assim como ela não se preocupou com o tempo, nós também não devemos nos preocupar. Mas deixar Deus nos surpreender.

E então, somente quando você adormecer, somente quando você descansar em Deus, de olhos fechados, sem que nada tire o seu foco, somente quando a voz de Deus for a única coisa que você precisa, sem se preocupar com quando, como, onde ou quem, ai então quando menos você esperar, o amor pode querer despertar. E com um belo convite, te chamar.

O amor é criação de Deus e sim, o amor entre homem e mulher também é Sua criação. Infelizmente, o mundo deturpou e banalizou essa criação. O amor está nos planos de Deus e de acordo com os planos dEle, quando, como, onde e com quem Ele quiser, Ele irá despertá-lo para você.

Ele despertará o amor em sua vida. Não você.

 “O amor é paciente…  tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.” I Coríntios 13:4 e 7

Pati Geiger

Texto publicado no blog Não Morda a Maçã em 18 de outubro de 2011.

Leia também:

2 Comentários

  1. Lindo, lindo Patricia! Gostei muito do paralelo que fez, palavras edificantes! Se puder dar uma olhadela no que eu escrevo, sua opinião será importante para mim. Olhandomaisalto.wordpress.com
    Que a cada novo dia você possa vislumbrar mais e mais do imensurável amor de Deus e edificar cada vez mais vidas através das palavras ;D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida!
      Muito obrigada pelo carinho!
      Passei lá no seu blog sim sim =)
      Muito legal!! Continue assim ;)
      Brigadão.
      beijos

      Excluir

Arquivos

Siga!

Subscribe