Minha estante de livros

quarta-feira, maio 23, 2018

Vi essa imagem ontem no Facebook e ao ler cada quadrinho fiquei imaginando qual livro que se encaixava ali; salvei a imagem e pensei em compartilhar aqui a minha lista, para que você, leitor do  blog, pudesse fazer a sua lista também.

- O livro que eu não consegui largar: "E não sobrou nenhum" da Agatha Christie. Lembro de ter lido em umas 3 horas direto.

- O livro que eu não consegui segurar: "As Crônicas de Nárnia". Impossível ler esse deitada na cama, tinha que ler sentada mesmo.

- O livro que você me deu: "Un cadavre dans la bibliothèque". A minha amiga Munique comprou esse livro da Agatha Christie pra mim, quando ela foi pra França e eu estudava francês na época. Faz uns 4 anos já, mas até hoje eu lembro do áudio dela pra mim "comprei esse livro pra você porque é da Agatha Christie e porque é francês." Obrigada Muni 💓

- O livro que eu trouxe para a praia: já levei muitos livros para a praia, difícil dizer o nome de um apenas, mas a maioria sempre foi livros da Agatha.

- O livro que eu me esforcei para gostar: apesar de eu gostar de muitos contos do Machado de Assis, vou confessar que eu nunca consegui terminar Dom Casmurro. Tentei ler várias vezes, mas sinceramente, nunca consegui ler mais da metade.

- O livro que eu curiosamente tenho 3 cópias: "O pequeno príncipe" é um dos meus livros preferidos e sempre que arrumo meus livros, descubro que tenho mais um exemplar.

- O livro que salvou a minha vida: "Eu disse adeus ao namoro"; não que necessariamente salvou a minha vida, mas mudou muito o meu pensamento em relação às escolhas amorosas e em relação à esperar em Deus pelo tempo certo e o cara certo para namorar.

- O livro que eu te emprestei: emprestei um da Agatha Christie em inglês para uma aluna particular, ela foi embora e nunca devolveu o livro #chateada

- O livro que eu durmo lendo toda noite: acredito que o livro mais constante em minha vida, que leio antes de dormir é a Bíblia.

- O livro que eu achei que era um chapéu: o livro que eu levei pra tudo que é canto quando estava lendo: o Diário de Anne Frank.

- O livro que estou desesperadamente tentando escrever: já escrevi um livro e tenho uns 2 rascunhos aqui de livros novos, mas, essa correria da vida, não me permite continuar escrevendo.

- Todos os livros que mudaram a minha vida: vish, são vários. A Bíblia, óbvio. Pollyanna, O pequeno príncipe, Cartas de um diabo a seu aprendiz, As crônicas de Nárnia, O Diário de Anne Frank, A menina que roubava livros, Extraordinário, Maravilhosa graça, O velho e o mar, Admirável mundo novo, 1984, Revolução dos Bichos, O mágico de Oz.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Leia também:

0 Comentários

Arquivos

Siga!

Subscribe